Embrapa lança desafio para jovens programadores

05/08/2017

Primeira Mão Notícias - foto divulgação

 

 

 

 

 

 

Inscrições para o Hackathon Acadêmico estão abertas até 13 de setembro para alunos e profissionais de seis estados

Equipes com estudantes do ensino médio, técnico ou superior, além de egressos formados há menos três anos, podem se inscrever, até 13 de setembro, no Hackathon Acadêmico 2017.

A competição, promovida pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), desafia alunos e profissionais recém-formados a desenvolverem tecnologias digitais para o campo.

+ Saiba como a HBO foi hackeada e episódios de 'Game of Thrones' vazados

Neste ano, o Hackathon ocorre simultaneamente em Belém (PA), Boa Vista (RR), Brasília (DF), Recife (PE), Seropédica (RJ) e Teresina (PI). Em cada local, os jovens programadores deverão desenvolver soluções tecnológicas para o campo de acordo com um tema diferente.

O objetivo é colocar em prática o conhecimento da sala de aula para transformar as informações da pesquisa em soluções tecnológicas para diversas regiões do País.

Os produtos gerados podem ser aplicativos móveis, hardware, internet das coisas (IoT), peças educacionais ou jogos com foco na inovação tecnológica de interesse agropecuário.

Para isso, as equipes contarão com padrinhos, especialistas da Embrapa nos diversos temas, que vão acompanhar e apoiar os participantes com informações da pesquisa agropecuária.

A primeira etapa do Hackathon será um encontro presencial, no dia 21 de setembro, onde os times conhecerão os padrinhos e terão uma visão geral sobre o tema do concurso de sua cidade. O desenvolvimento dos protótipos acontece até o dia 17 de outubro e o resultado final do Hackathon será divulgado no dia 19 subsequente.

Confira qual será o tema do desafio em cada cidade participante.

Belém (PA) – Desafios para o açaí

Boa Vista (RR) – Solução mobile para difusão de informações tecnológicas e de levantamento de demandas de pesquisa

Brasília (DF) – Jogos eletrônicos/peças educacionais em suporte digital com foco na ciência para crianças e adolescentes

Recife (PE) – Soluções mobile para o estudo dos solos

Seropédica (RJ) – Soluções mobile para produção sustentável com foco em atributos funcionais de plantas da Mata Atlântica e controle biológico conservativo

Teresina (PI) – Feijão-caupi: manejo sustentável e mercado garantido. Com informações do Portal Brasil.

2017 - Todos os direitos reservados
PRIMEIRAMAONOTICIAS.COM.BR