Em troca de apoio, Senado promete emendas para 2018

02/10/2017

Primeira Mão Notícias - foto divulgação

 

 

 

 

 

 

Deputados aliados podem ajudar com o pagamento de emendas parlamentares nas negociações que visam derrubar a segunda denúncia contra o presidente Michel Temer

Em tempos de crise e orçamento estourado, até o Governo Federal pode pedir fiado. Segundo o Blog do Camarotti do G1 publicou nesta segunda (2), a solução encontrada foi pedir ajuda aos deputados aliados para o pagamento de emendas parlamentares nas negociações que visam derrubar a segunda denúncia contra o presidente Michel Temer. O Governo Federal adotou como estratégia a negociação da liberação adiantada das emendas do próximo ano.

A iniciativa teria sido lançada após declaração do ministro do Planejamento Dyogo Olieira, que alertou o Planalto, na última semana, que não existiam recursos para negociar as emendas até o final do ano.

Com a tramitação da denúncia contra o presidente na Câmara dos Deputados, a pressão dos aliados pela liberação das emendas e cargos teria aumentado desde então, inclusive com a cobrança de integrantes da base das promessas feitas anteriormente pelo Planalto, durante a negociação para derrubar a primeira denúncia contra Temer.

Na avaliação dos aliados, esta seria a última grande votação de interesse do Governo Federal para negociar demandas com o Planalto, como destacou Camarotti. Sem dinheiro em Caixa, os articuladores políticos do presidente incluíram no jogo o orçamento de 2018.

2017 - Todos os direitos reservados
PRIMEIRAMAONOTICIAS.COM.BR