Estudante é esfaqueado dentro da UFPE por colega de curso | Primeira Mão Notícias

Estudante é esfaqueado dentro da UFPE por colega de curso


Pedro Henrique de Souza, 18 anos, foi atingida no pescoço, boca e ombro

03/10/2019 06:36:19

Primeira Mão Notícias - foto divulgação

Um estudante do curso de Pedagogia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) foi esfaqueado, na tarde desta quarta-feira, 2, dentro do câmpus universitário, nas proximidades do Centro de Educação (CE). A agressão, de acordo com informações da própria universidade, foi cometida por um outro aluno do mesmo curso.

A vítima, identificada como Pedro Henrique de Souza, 18 anos, foi atingida no pescoço, boca e ombro e recebeu os primeiros socorros ainda no local e posteriormente encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá, bairro vizinho a UFPE.

Segundo informações repassadas pela unidade de saúde, Pedro estava consciente e havia passado por exames de raio-X. O agressor, que não teve a identidade revelada, foi detido por funcionários da Superintendência de Segurança Institucional (SSI) e levado, por policiais militares, ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil, no bairro do Cordeiro, na zona oeste do Recife.

O episódio causou grande comoção entre estudantes, funcionários e professores da instituição. "Tudo aconteceu muito rápido. Estávamos participando de várias atividades por conta do dia nacional de paralisação em defesa da Educação. De repente, vimos a confusão. Eu não vi discussão, briga, nada. O cara (agressor) pulou em cima do Pedro já com a faca na mão. Algumas pessoas correram para tentar segurar ele e outras, como eu, para ajudar o Pedro", contou a estudante de Psicologia Sandra Farias, de 22.

Uma professora, que prefere manter a identidade sob sigilo, revelou que o agressor parecia estar "certo do alvo". "Ele passou muito rápido pela área onde as pessoas estavam concentradas e seguiu em direção ao Diretório Acadêmico onde a vítima havia acabado de chegar. De repente a gente ouviu os gritos e viu o aluno todo ensanguentado. Foi assustador", comentou.

Estudante do mesmo curso do agressor e da vítima, o jovem José Santos, de 24 anos, já frequentou aulas com o acusado. "Ele é muito explosivo. Já o vi agredindo verbalmente outras pessoas por conta de posições políticas ou divergências bobas de pontos de vista. Mas nunca pensei que ele teria um comportamento destes. Foi assustador", contou.

Por meio de nota, a UFPE lamentou o ocorrido e informou que uma sindicância será aberta para apurar o caso. Apesar de não haver informação oficial, alguns estudantes e professores afirmaram que, anteriormente a agressão, os dois jovens já haviam discutido por motivação política.

© Primeira Mão Notícias - 2019 Todos os direitos reservados