Primeira Mão Notícias – com informações de Bahia Notícias

Um pré-candidato a vereador em Catu, no Agreste baiano, foi preso acusado de agredir verbalmente uma vereadora na Câmara Municipal. A decisão foi decretada nesta terça-feira pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). Geovane de Souza Santos é acusado de perseguir, intimidar e agredir verbalmente a vereadora Lourinete de Barros Santana, na Câmara Municipal.

Conforme relatado da vereadora, os fatos ocorreram nos meses de maio e junho de 2023 e abril de 2024. Nas ocasiões, o homem teria ido a sessões na Câmara dos Vereadores para intimidar a legisladora, o que incluía gestos simulando uma arma com a mão enquanto a chamava de ‘raposa’, ‘mentirosa’ e ‘peppa pig’.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.